NOTÍCIAS, BRASIL, MUNDO, ECONOMIA, POLÍCIA, POLÍTICA 
Jovem Pan AM's news on channel Notícias
Terremoto no Japão deixa pelo menos 39 feridos

Terremoto no Japão deixa pelo menos 39 feridos

Tóquio, 23 nov (EFE).- Pelo menos 39 pessoas ficaram feridas, cinco delas em estado grave, por causa do terremoto de 6,7 graus Richter que atingiu a cidade de Nagano (centro do Japão) e provocou a queda de uma dezena de casas, informou neste domingo a imprensa local.


O terremoto, posteriormente rebaixado pela Agência Meteorológica do Japão de 6,8 para 6,7 graus, aconteceu às 22h08 (horário local, 12h08 em Brasília) do sábado com epicentro em Hakuba, ao norte da cidade e a cerca de 200 quilômetros a noroeste de Tóquio.


O epicentro foi situado a dez quilômetros de profundidade.


O terremoto foi seguido por duas réplicas de mais de 4 graus Richter e de 30 tremores menores.


Os 39 feridos se dividem principalmente entre as três localidades mais afetadas, que são, além de Hakuba, Omachi, a 20 quilômetros da primeira, e a cidade de Nagano.


A Polícia, bombeiros e um contingente das Forças de Autodefesa (Exército) ainda averiguam o alcance dos danos provocados pelo tremor.


Cerca de 1.600 casas na região permaneciam também sem luz, segundo a emissora "NHK". EFE



LEIA MAIS ...



Terremoto de sábado na China deixa 2 mortos e 54 feridos

Terremoto de sábado na China deixa 2 mortos e 54 feridos

Pequim, 23 nov (EFE).- Dois mortos e 54 feridos é o balanço provisório do terremoto que afetou na tarde do sábado uma região montanhosa da província de Sichuan, na China, segundo anunciaram neste domingo as autoridades do país.


Cerca de 55 mil pessoas foram afetadas pelo tremor de terra, que teve uma magnitude de 6,3 graus e cujo epicentro foi localizado a 18 quilômetros de profundidade, sob a pequena cidade de Tagong.


Seis dos feridos estão em estado crítico, embora a grande maioria tenha sofrido somente lesões leves.


As autoridades enviaram militares para colaborar nas tarefas de auxílio, assim como geradores de eletricidade, tendas de campanha e material diversos para ajudar os afetados, informou a agência estatal "Xinhua".


A província de Sichuan (no sudoeste da China e vizinha à região de Tibete) é muito propensa aos terremotos.


Nessa província, um grande terremoto de 8 graus causou em 2008 mais de 80 mil mortos e desaparecidos no condado de Wenchuan, enquanto em 2013 outro tremor de terra de 7 graus causou 196 mortes em Lushan. EFE



LEIA MAIS ...



Governo acusa revista de "manipulação jornalística"

Governo acusa revista de "manipulação jornalística"

São Paulo, 22 nov (EFE).- O Governo acusou neste sábado a revista "Veja" de "manipulação jornalística" por tentar "insinuar" que em 2009 a Presidência sabia da existência de desvios de recursos da Petrobras, investigada por um escândalo de corrupção que está atingindo partidos e políticos.


Em comunicado, a Presidência assinalou que "as práticas ilegais do senhor Paulo Roberto Costa - ex-diretor da Petrobras que está em prisão domiciliar - só foram conhecidas em 2014 graças às investigações feitas pela Polícia Federal (PF) e pelo Ministério Público".


Parte das investigações se baseiam em declarações de Costa, diretor de Abastecimento afastado do cargo em 2012 e detido no começo da operação, e do dono de casas de câmbio Alberto Youssef, preso em Curitiba, que aceitaram colaborar com a Justiça em troca de uma redução de pena.


De acordo com o comunicado, o Governo nega que em 2009 Dilma, então ministra-chefe de Casa Civil (presidência), teria recebido por "mensagem eletrônica" de Costa um alerta sobre irregularidades detectadas nas obras da refinaria Abreu e Lima (Pernambuco) detectadas por órgãos de fiscalização.


As irregularidades, detalhou a Presidência na nota de imprensa, foram informadas pela própria Petrobras, pelo Congresso Nacional e pelo Tribunal de Contas da União (TCU), e após tomar medidas corretivas e avaliar as consequências o Governo decidiu vetar a proposta de paralisação das obras.


A Presidência lembrou também que a "Veja" tentou "interferir no resultado das eleições presidenciais" quando no dia 24 de outubro, dois dias antes do segundo turno, antecipou para sexta-feira sua habitual edição que começa a circular aos sábados com uma reportagem sobre o mesmo assunto.


Nessa ocasião, a "Veja" afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua sucessora Dilma conheciam o plano pelo qual a Petrobras cobrava comissão de construtoras para depois dividir esse dinheiro com políticos e partidos.


"Mais uma vez, a 'Veja' desinforma seus leitores e tenta manipular a realidade dos fatos. Mais uma vez vai fracassar", concluiu a Presidência. EFE



LEIA MAIS ...



ELN anuncia greve armada em departamento onde Farc raptou general colombiano

ELN anuncia greve armada em departamento onde Farc raptou general colombiano

Bogotá, 22 nov (EFE).- A Defensoria Pública da Colômbia expressou neste sábado sua "preocupação" com a circulação de um panfleto no qual o Exército de Libertação Nacional (ELN) anuncia "uma greve armada" no departamento (estado) de Chocó, onde as Farc sequestraram o general do Exército Rubén Darío Alzate.


Segundo um comunicado da Defensoria Pública, o ELN mediante um panfleto que circula na região do Médio San Juan del Chocó decreta uma "greve armada" a partir do dia 25, segunda-feira, até a meia-noite do dia 26.


O texto do ELN proíbe a circulação de veículos e embarcações sob pena de promover atentados contra quem descumprir essas instruções, acrescenta a Defensoria em comunicado.


A Defensoria pede ao Governo e à Polícia para "extremar as medidas de segurança para conter a violência no Pacífico e garantir os direitos dos atemorizados habitantes".


O departamento de Chocó é palco de um grande aparato militar desde domingo passado quando guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) sequestraram o general Alzate, o cabo Jorge Rodríguez e a advogada Gloria Urrego.


Por estes sequestros, da mesma forma que de outros dois soldados há duas semanas no departamento de Arauca, na fronteira com a Venezuela, o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, suspendeu os diálogos de paz com as Farc até que a guerrilha os liberte.


Posteriormente, o Governo e as Farc anunciaram que a guerrilha entregará os cinco sequestrados.


Hoje, Santos disse que "já foram recebidas as coordenadas".


"Estou dando instruções para facilitar a libertação para a próxima semana", segundo escreveu o presidente em sua conta no Twitter.


As coordenadas são o ponto geográfico no qual vai acontecer operação humanitária a cargo do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), e com esses dados o Governo costuma ordenar a suspensão de operações militares na região para facilitar a entrega dos cativos.


Ainda se desconhece se a greve armada anunciada pelo ELN pode interferir na libertação dos sequestrados de Chocó. EFE



LEIA MAIS ...



Governador mexicano vai reforçar apoio a famílias de 43 desaparecidos

Governador mexicano vai reforçar apoio a famílias de 43 desaparecidos

Chilpancingo (México), 22 nov (EFE).- O governador do estado de Guerrero, no México, Rogelio Ortega Martínez, disse neste sábado que estabeleceu acordos com os familiares dos 43 estudantes desaparecidos e com os professores para dar mais apoio na luta por suas reivindicações.


"Reunimo-nos com alguns dos pais de família, não queremos gerar pressão alguma", disse Ortega ao término da entrega de 384 casas por parte do Governo Federal aos afetados pelos furacões Ingrid e Manuel em 2013.


Ortega não detalhou os acordos a que chegou com os familiares nem com os professores, mas assegurou que estes "foram frutíferos, sem protagonismos e com a discrição que os próprios autores nos solicitaram".


Acrescentou que nesses encontros, seu governo se comprometeu com os pais a acompanhá-los e "ser solidário com todo o drama e dor que estão vivendo", assinalando que acompanhou os pais de maneira sincera e solidária.


Além disso, Ortega disse que também colaborará para verificar que toda informação oficial "seja veraz" a fim de readquirir a confiança e a credibilidade nas instituições.


Os protestos pelo desaparecimento de 43 estudantes nos fatos violentos do dia 26 de setembro no município de Iguala completaram oito semanas e aumentaram, inclusive com fatos violentos, devido a que as autoridades mexicanas não conseguiram esclarecer os fatos, nem deram com o paradeiro dos jovens.


Ortega disse que também conversou com os estudantes da escola de Ayotzinapa para oferecer um projeto acadêmico de mestrado e doutorado, embora tenha lembrado que a prioridade por enquanto é encontrar com vida os 43 estudantes desaparecidos.


O governador, que substituiu Ángel Aguirre Rivero, afirmou que a declaração de alguns pais de começar a buscar por sua própria conta os desaparecidos com o apoio dos policiais comunitários, deve ser um esforço para colaborar com as investigações da Promotoria Federal.


O governo de Guerrero, disse, manterá a via do diálogo com todas as forças presentes neste estado para avançar nas soluções de todos os conflitos e lembrou que em sua posse afirmou que "não criminalizaria os protestos, nem os movimentos sociais".


"Minha proposta é a de construir a paz democrática, não a paz dos sepulcros, que garanta também uma governabilidade democrática", finalizou. EFE



LEIA MAIS ...



José Sócrates deixa Tribunal aonde voltará neste domingo para depoimento

José Sócrates deixa Tribunal aonde voltará neste domingo para depoimento

Lisboa, 22 nov (EFE).- O ex-primeiro-ministro de Portugal, José Sócrates, deixou esta noite o Campo da Justiça de Lisboa, ao qual voltará neste domingo para prestar depoimento perante um juiz em qualidade de suspeito de corrupção, após passar a noite nas dependências policiais.


O político socialista já está nas instalações da Polícia de Segurança Pública (PSP), às quais foi levado após passar mais de cinco horas no Tribunal Central de Instrução Criminal de Lisboa.


No entanto, se desconhece ainda se Sócrates começou a prestar depoimento ao juiz encarregado do caso ou se o fará neste domingo.


Seu advogado, João Araújo, não quis dar nenhuma informação à imprensa ao deixar a sede do Tribunal e simplesmente se limitou a dizer que "eventualmente" fará uma declaração no domingo.


O ex-chefe do governo português entre 2005 e 2011 chegou ao Tribunal pouco antes das cinco da tarde, hora local, no assento traseiro de um dos quatro veículos da comitiva policial e de investigadores da Justiça que entrou diretamente na garagem. EFE



LEIA MAIS ...



Homem doa abóbora de 235 quilos a banco de alimentos da Espanha

Homem doa abóbora de 235 quilos a banco de alimentos da Espanha

Mérida, 22 nov (EFE).- O agricultor Francisco Cerezo Barrado, da cidade de Torrecillas de la Tiesa, na Espanha, doou ao Banco de Alimentos de Cáceres um abóbora de 235 quilos.


Foram necessárias cinco pessoas para descê-la do reboque no qual tinha sido transportada até Cáceres e depositá-la no refeitório social, segundo informou neste sábado o Banco de Alimentos em comunicado.


A peculiar operação aconteceu na Cidade Monumental e vários turistas aproveitaram para tirar fotos com a abóbora gigante.


Cerezo Barrado cultivou o fruto sabendo que seria de grandes dimensões, já que a semente é de uma espécie que cresce muito.


O agricultor chegou a apostar com amigos que chegaria aos 100 quilos, mas nunca imaginou que alcançaria os 235. EFE


cgr/rsd



LEIA MAIS ...



Após nevasca, Nova York se prepara perante possíveis inundações

Após nevasca, Nova York se prepara perante possíveis inundações

Nova York, 22 nov (EFE).- Após as espetaculares nevascas desta semana, o oeste do estado de Nova York se prepara agora para a possibilidade de sofrer grandes inundações nos próximos dias.


Os especialistas preveem que o aumento das temperaturas derreta parte da neve e provoque chuvas, o que somado à neve que ainda fica na superfície poderia provocar grandes acúmulos de água.


Por isso, as autoridades estaduais anunciaram uma ampla mobilização para fazer frente a esses riscos.


"Nova York está se preparando para o pior dos casos com estas inundações e a segurança é nossa prioridade", disse em comunicado o governador do estado, Andrew Cuomo.


As autoridades decidiram transferir à região 425 bombas de água e geradores, 55 embarcações, três helicópteros, 29 veículos especiais e mais de 180.000 sacos de areia para conter as águas.


Além disso, foram levadas centenas de máquinas para remover a neve e outras equipes de outras áreas para limpar o mais rápido possível as ruas e permitir que a água flua ao sistema de esgoto.


A ameaça de inundações poderia materializar-se a partir da tarde do domingo, especialmente nos condados de Erie, Genesee e Wyoming, onde espera-se que muitos rios e riachos possam transbordar, inclusive alguns na área metropolitana de Búfalo, a maior cidade da região.


O perigo de inundações chega imediatamente depois da tempestade polar que deixou pelo menos 12 mortos na região dos Grandes Lagos e provocou a declaração do estado de emergência no oeste de Nova York.


Na área de Búfalo caíram em três dias cerca de 2,10 metros de neve, que provocaram caos no trânsito e causaram o fechamento de muitas escolas e de outros serviços. EFE



LEIA MAIS ...



Mali confirma novo caso de ebola durante visita de diretora da OMS

Mali confirma novo caso de ebola durante visita de diretora da OMS

Bamaco, 22 nov (EFE).- O governo do Mali anunciou neste sábado a detecção de um novo infectado pelo ebola, no mesmo dia no qual a diretora da Organização Mundial da Saúde (OMS), Margaret Chan, chegou a este país para ajudar a conter o surto do vírus.


Em comunicado, o Ministério da Saúde explicou que havia dois casos suspeitos e um deles testou positivo nos exames realizados, motivo pelo qual a pessoa foi isolada para ser submetida a um tratamento intensivo.


Segundo o Ministério da Saúde há 310 pessoas que se encontram em observação médica no Mali.


Na quinta-feira passada, um médico malinês da Clínica Pasteur de Bamaco morreu em decorrência do ebola, o que elevou para sete o número de vítimas mortais no país.


Durante a jornada de hoje, a diretora da OMS instou o governo de Bamaco a reforçar a campanha de sensibilização à população por meio de um maior envolvimento da sociedade civil.


Chan e uma delegação composta entre outros pelo diretor-executivo da Unaids, Michel Sidibé, se reuniu com o primeiro-ministro malinês, Moussa Mara, para analisar a situação e os dispositivos usados até agora no país para enfrentar o ebola.


A epidemia de ebola já infectou 15.351 pessoas no mundo todo, das quais 5.459 morreram. EFE



LEIA MAIS ...



Governo dos EUA expandirá papel de suas tropas no Afeganistão em 2015

Governo dos EUA expandirá papel de suas tropas no Afeganistão em 2015

Washington, 22 nov (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assinou recentemente uma ordem autorizando a expansão do papel das tropas americanas no Afeganistão em 2015, que poderiam envolver-se em operações de combate, confirmou neste sábado um funcionário americano.


"Embora não vamos continuar perseguindo os insurgentes apenas por ser membros dos talibãs, dado que os talibãs ameaçam diretamente às forças dos EUA e à coalizão no Afeganistão ou fornecem apoio direto à Al Qaeda, tomaremos medidas apropriadas para manter os americanos seguros", declarou à Agência este funcionário, que pediu anonimato.


Deste modo, acrescentou a fonte, "os EUA poderão oferecer apoio em combate às tropas afegãs em circunstâncias limitadas para prevenir perdas estratégicas a estas forças de segurança".


Estas revelações sobre a expansão papel dos EUA no Afeganistão foram antecipadas pelo jornal "The New York Times" ontem à noite.


Os acordos selados com o Afeganistão este ano preveem a presença no país de 9.800 soldados americanos até o final de 2015, após a retirada da Otan neste ano.


Em princípio, sua missão estaria limitada a combater os resquícios da Al Qaeda e treinar e auxiliar as forças afegãs.


No entanto, a mudança na estratégia responde às pressões do Pentágono para completar com sucesso a missão no Afeganistão, a guerra mais longa da história dos EUA, e permitirá às forças americanas executar missões contra os talibãs e outros grupos que sejam uma ameaça para elas ou o governo afegão.


A ordem presidencial autoriza, sob determinadas circunstâncias, os bombardeios americanos para apoiar as operações militares afegãs, assim como o envio de tropas terrestres para auxiliar em operações contra os talibãs.


Além disso, abre a porta ao uso de bombardeiros e drones (aviões não tripulados) para apoiar às tropas afegãs nas missões de combate.


Após 13 anos de guerra e o anúncio da saída das tropas americanas para o final deste ano, o governo dos EUA está preocupado com a fraqueza das autoridades locais na hora de enfrentar sozinho a ameaça dos insurgentes talibãs, que continuaram seus ataques a postos do exército afegão e da coalizão internacional. EFE



LEIA MAIS ...



Imagens do dua, 22 de novembro de 2014

fonte: EFE Imagens do dua, 22 de novembro de 2014 Imagens do dua, 22 de novembro de 2014


LEIA MAIS ...



Cúpula da Unasul debaterá tratado energético e cidadania sul-americana

Cúpula da Unasul debaterá tratado energético e cidadania sul-americana

La Paz, 22 nov (EFE).- A agenda de debates da próxima cúpula da Unasul, que será realizada no Equador em dezembro, incluirá discussões sobre um tratado energético, a soberania sobre os recursos naturais e a cidadania sul-americana.


O vice-chanceler equatoriano, Leonardo Arizaga, explicou à imprensa que estes temas estarão na agenda da reunião presidencial, segundo foi estabelecido hoje em reunião de vice-chanceleres do bloco realizada na Bolívia.


"Conseguimos chegar a um acordo sobre a visão estratégica que vamos apresentar aos presidentes. Definimos alguns temas que são fundamentais para a América do Sul", disse Arizaga ao final da reunião realizada na cidade boliviana de Santa Cruz.


A reunião de vice-chanceleres analisou durante dois dias os temas da agenda social, econômica e política que os presidentes da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) debaterão na primeira semana de dezembro no Equador.


Arizaga detalhou que entre esses temas estão a soberania sobre os recursos naturais, a conexão das infraestruturas, um tratado energético, a cidadania sul-americana e um passaporte para os 400 milhões de moradores da região, entre outros assuntos.


A reunião dos vice-chanceleres foi conduzida pelo secretário-geral do bloco, o ex-presidente colombiano Ernesto Samper (1994-1998), que na sexta-feira pediu que as iniciativas sejam concretas e tenham como eixos transversais as políticas de gênero, meio ambiente e inclusão social.


Os vice-chanceleres também analisaram na Bolívia propostas para a criação na Unasul de um centro para discutir controvérsias, a doutrina de paz e segurança da região e o avanço da implementação de políticas de integração física e produtiva.


Da reunião preparatória participaram os vice-chanceleres ou outros representantes de Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela.


A Cúpula da Unasul está marcada para o dia 4 de dezembro na cidade equatoriana de Guayaquil, onde a presidência rotatória do bloco passará do Suriname ao Uruguai.


No dia seguinte, os líderes estão convidados à inauguração em Quito da sede do bloco, que levará o nome do ex-presidente argentino Néstor Kirchner, que foi o primeiro-secretário da Unasul e que morreu em 2010. EFE



LEIA MAIS ...



Quase 500 mil estudantes devem fazer o Enade neste domingo

Quase 500 mil estudantes devem fazer o Enade neste domingo

Concluintes de cursos de bacharelado, licenciatura e tecnólogo de todo Brasil devem fazer neste domingo (23) o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade). A expectativa é que 483,5 mil estudantes matriculados em 1,48 mil instituições de educação superior façam o exame.


Os estudantes têm até amanhã para preencher o questionário do estudante, usado para subsidiar a construção do perfil socioeconômico dos participantes. O preenchimento é obrigatório e o universitário deve se identificar por meio do CPF, pelo nome ou pelo curso.


Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), aqueles que não responderem ao questionário estarão em situação irregular com o Enade e poderão ficar impedidos de colar grau e receber o diploma, mesmo que façam o exame.


Os portões dos locais de prova abrem às 12h (horário de Brasília) e as provas começam às 13h. Os estudantes terão quatro horas para responder ao exame e têm de permanecer no local da prova por pelo menos uma hora para poder assinar a lista de presença. Quem deixar o local antes, sem assinar a lista, será considerado ausente e ficará em situação irregular. O participante pode deixar a sala com o caderno de questões três horas após o início do exame.


Criado em 2004, a cada ano o exame avalia um grupo diferente de cursos com o objetivo de aferir o rendimento dos estudantes de cursos de graduação em relação ao conteúdo programático, suas habilidades e competências.


Os estudantes devem fazer o Enade para obter o diploma, no entanto, não existe um desempenho mínimo obrigatório para os alunos. O resultado do exame é usado apenas para compor índices que medem a qualidade de cursos e instituições de ensino superior.


Esta edição do Enade vai avaliar o desempenho de estudantes que tenham expectativa de finalizar a graduação até julho de 2015. Para tanto, precisam concluir mais de 80% da carga horária mínima do currículo até o fim do período de inscrição. Os avaliados são alunos de 33 cursos superiores nas áreas de ciências exatas, licenciaturas e áreas afins.


Também farão o exame estudantes de cursos superiores de tecnologia com expectativa de conclusão até o próximo mês e os de cursos superiores de tecnologia que tiverem cumprido mais de 75% da carga horária mínima do currículo, até o fim do período de inscrição.


A divulgação do boletim de desempenho dos participantes do exame está prevista para o segundo semestre do próximo ano. A consulta ao local de prova deve ser feita na página do Enade na internet.



LEIA MAIS ...



Presidente do Equador denuncia tentativa de "hackeamento" de suas contas

Presidente do Equador denuncia tentativa de "hackeamento" de suas contas

Quito, 22 nov (EFE).- O presidente do Equador, Rafael Correa, denunciou publicamente neste sábado "ataques" contra suas contas eletrônicas e tentativas de "hackeamento" realizadas do exterior.


"Na quinta-feira, recebi ataques o dia todo (...), vêm do exterior e vão a um servidor nos Estados Unidos, contra minhas contas, para tentar nos hackear, tirar-nos informação, ligar os microfones, escutar nossas conversas", disse o governante em seu relatório semanal de trabalhos.


O chefe de Estado, no poder desde 2007, não ofereceu hoje mais detalhes sobre o incidente, ao qual já havia se referido na sexta-feira em sua conta pessoal no Twitter.


"Ontem recebemos ataques do exterior contra nossas contas. Para isso, se infiltraram em computadores de pessoas muito próximas. Trata-se de ataques sistemáticos e com alta tecnologia e recursos. Não passarão! Somos mais, muitos mais", escreveu Correa no Twitter na sexta-feira.


Em março deste ano, o governante denunciou também no Twitter que sua conta na rede social tinha sido alvo de um ataque informático por parte da "extrema direita" de países estrangeiros e "inescrupulosos opositores nacionais". EFE



LEIA MAIS ...



À espera de decisão sobre morte de jovem, 3 pessoas são presas em protestos

À espera de decisão sobre morte de jovem, 3 pessoas são presas em protestos

Washington, 22 nov (EFE).- Uma nova noite de protestos terminou com três pessoas detidas em Ferguson, no Missouri (Estados Unidos), perante a iminente decisão de um júri sobre o caso do jovem negro Michael Brown, morto desarmado pelo policial branco Darren Wilson em agosto.


Duas pessoas foram detidas durante uma operação encoberta de agentes do FBI quando tentavam comprar material explosivo para utilizar nas manifestações, informou neste sábado a emissora "CBS".


O FBI enviou 100 agentes para a região de Saint Louis, onde está Ferguson, que se somam aos homens já posicionados no terreno e a um segundo contingente pronto para deslocar-se à cidade caso seja necessário.


Além disso, uma terceira pessoa foi detida quando participava de protestos na frente do quartel de polícia de Ferguson que mantinham o tráfego bloqueado na pequena cidade de 22 mil moradores.


Ontem à noite, o porta-voz do promotor do Condado Saint Louis, Bob McCulloch, declarou que o grande que avalia as provas sobre a morte de Brown, a fim de determinar se há causa provável para julgar o policial, ainda seguia deliberando.


A morte de Brown, de 18 anos, causou uma onda de indignação, protestos e distúrbios que se saldaram com dezenas de detidos, vários danos e o ressurgimento do debate racial na violência policial.


Precisamente ontem à noite, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu que não haja violência nos protestos convocados.


"Usar qualquer ocasião como uma desculpa para o uso da violência não é só contrário à lei, mas também ao que somos como país", disse Obama em uma entrevista à emissora "ABC'.


Na segunda-feira passada, o governador do Missouri, Jay Nixon, declarou estado de emergência perante a possibilidade que a cidade volte a viver os fortes distúrbios suscitados em agosto pela morte de Brown.


Muitos ativistas temem que o júri descarte todas as acusações contra Wilson e não se convoque um julgamento. EFE



LEIA MAIS ...



Por ciúmes, marido mata mulher a facadas no Chile e se entrega à polícia

Por ciúmes, marido mata mulher a facadas no Chile e se entrega à polícia

Uma mulher de 26 anos, identificada como Claudia Muñoz González, morreu após ser esfaqueada por seu marido na cidade de Talvca, no centro do Chile, informaram neste sábado fontes policiais.


O homicídio ocorreu no setor de Brisas del Maule, da citada cidade, 260 quilômetros ao sul de Santiago e aparentemente foi provocado pelos ciúmes.


De acordo com a versão policial, o homem, de 30 anos, atacou sua mulher com uma faca enquanto ela dormia.


José Luis Gallegos, chefe da Brigada de Homicídios da Polícia de Investigações (PDI) de Talca, disse à rádio "Bío-Bío" que após cometer o crime, o homem se encaminhou para a delegacia e confessou o assassinato de sua mulher.


A promotora Paula Rojas acusou o homem de feminicídio e o tribunal ordenou sua prisão preventiva enquanto se realiza a investigação dos fatos.



LEIA MAIS ...



Homem incendeia sua casa e mata policial que tentou ajudá-lo nos EUA

Homem incendeia sua casa e mata policial que tentou ajudá-lo nos EUA

Miami, 22 nov (EFE).- Um homem de Tallahassee, capital da Flórida (Estados Unidos), incendiou sua casa neste sábado e depois matou um policial e feriu outro que chegaram ao local após receber uma ligação de emergência.


O porta-voz do Escritório do Xerife do Condado de Leon, James McQuaig, explicou que, por volta das 10h15 locais (13h15 de Brasília), os agentes chegaram ao local após receber o aviso do incêndio.


"Logo após chegar, o agente sofreu uma emboscada, foi atingido por um tiro e morreu", disse McQuaig à imprensa local.


O porta-voz explicou que então o homem tomou a arma do agente abatido e caminhou pela rua enquanto disparava, momento no qual feriu outro agente, do qual ainda se desconhece seu estado de saúde.


Posteriormente, outros agentes chegaram ao local e dispararam contra o homem, segundo McQuaig.


Por sua vez, Mike Bellamy, porta-voz do Departamento de Bombeiros de Tallahassee, explicou que ainda se trabalha na extinção do incêndio, de acordo com o jornal "Tallahassee Democrat". EFE



LEIA MAIS ...



Surto de ebola já matou mais de 5 mil pessoas, quase todas na África Ocidental

Surto de ebola já matou mais de 5 mil pessoas, quase todas na África Ocidental



Dados da Organização Mundial da Saúde mostram que 5.459 pessoas já morreram em decorrência do ebola. Ao todo, 15.351 pessoas foram contaminadas pelo vírus, quase todas as vítimas na África Ocidental.


A Libéria é o país com maior número de casos (7.082) e de mortes (2.963), seguida de Serra Leoa, com 6.190 casos e 1.267 mortes e Guiné, com 2.047 doentes e 1.214 mortes.


Nigéria, Mali e Estados Unidos somam 15 mortes pelo vírus.






LEIA MAIS ...



Motorista alcoolizado atropela e mata 3 meninas na Espanha

Motorista alcoolizado atropela e mata 3 meninas na Espanha

Toledo (Madri), 22 nov (EFE).- Três meninas morreram neste sábado na cidade de Novés, no centro da Espanha, após serem atropeladas por um motorista que no teste de alcoolemia superou a taxa legal fixada no país.


Um juizado decretou a prisão do jovem que atropelou as meninas e outros dois menores de idade que caminhavam no acostamento de uma estrada. Um dos feridos ainda corre risco de morte.


O motorista, de 30 anos, prestou depoimento à polícia logo após ser submetido ao teste de alcoolemia.


O motorista superava ligeiramente a taxa de álcool de 0,25 miligramas por litro de ar expirado, motivo pelo qual pode ser sancionado por uma infração administrativa, mas não por um delito penal, com o que se castiga os que conduzem com uma taxa de álcool em ar expirado superior a 0,60 mg/l. EFE



LEIA MAIS ...



Israel avalia anulação da residência de palestinos em Jerusalém Oriental

Israel avalia anulação da residência de palestinos em Jerusalém Oriental

Jerusalém, 22 nov (EFE).- O ministro do Interior de Israel, Gilad Erdan, anunciou neste sábado que avalia a possibilidade de invalidar as permissões de residência dos palestinos que vivem em Jerusalém Oriental e que participam de ações violentas.


"Dei instruções a meu pessoal do Ministério do Interior para que avaliem e me aconselhem sobre como poderia expandir minha autoridade como ministro", disse Erdan ao jornal "Yedioth Ahronoth".


O objetivo da avaliação é considerar a possibilidade de "anular a residência e os direitos sociais dos árabes de Jerusalém Oriental que encorajam o terrorismo e a incitação à violência", acrescentou o titular do Interior.


A tensão aumentou nas últimas semanas na Cidade Santa, onde nove civis - oito israelenses e uma equatoriana - morreram em diversos ataques realizados por palestinos, elevando a tensão entre ambas comunidades. EFE



LEIA MAIS ...



Terremoto de 6,8 graus deixa pelo menos 14 feridos no centro do Japão

Terremoto de 6,8 graus deixa pelo menos 14 feridos no centro do Japão

(Atualiza com número de feridos e danos provocados pelo terremoto).


Tóquio, 22 nov (EFE).- Um terremoto de 6,8 graus de magnitude na escala Richter sacudiu neste sábado a província de Nagano, no centro do Japão, e deixou pelo menos 14 feridos após provocar desmoronamentos em várias casas, além cortes de luz e água, informou a emissora pública "NHK".


A cidade aparentemente mais afetada é a de Hakuba (200 quilômetros ao noroeste de Tóquio), onde se situou o epicentro e onde pelo menos cinco casas foram parcialmente derrubadas.


As 21 pessoas, incluído uma criança de dois anos, que estavam dentro desses imóveis foram resgatadas com sucesso pelas equipes de emergência. Duas delas foram transferidas ao hospital, mas se desconhece a gravidade de seus ferimentos.


Na cidade de Omachi e em Nagano, capital da província, outras 12 pessoas foram internadas com urgência, três delas com ferimentos graves, segundo detalhou a "NHK".


Uma equipe das Forças de Autodefesa (Exército) foi enviada à região para auxiliar nos trabalhos de resgate e na reparação de danos materiais.


O tremor não ativou o alerta de tsunami, segundo informou a Agência Meteorológica do Japão.


O terremoto, que aconteceu às 22h08 locais (12h08 de Brasília) no norte da província de Nagano, com hipocentro a 10 quilômetros de profundidade, foi seguido por fortes réplicas.


O sismo alcançou uma intensidade de 6 inferior na escala japonesa fechada de 7 graus (centrada nas áreas afetadas mais que na intensidade do tremor) na cidade de Nagano, capital da província, e nas localidades de Otari e Ogawa.


A Tokyo Electric Power (TEPCO), operadora da usina nuclear de Kashiwazaki-Kariwa, que se encontra perto do epicentro do tremor, informou que a planta, desativada por causa do acidente provocado pelo terremoto e tsunami de 2011 na usina atômica de Fukushima, não registrou problemas de nenhum tipo.


A TEPCO também confirmou que a própria central de Fukushima não sofreu anomalia alguma após o tremor.


O governo da província de Nagano cifrou por enquanto em 1.600 os lares da região que ficaram sem luz após o terremoto, que aparentemente também afetou o abastecimento de água potável.


Várias linhas de trens de alta velocidade paralisaram as operações após o tremor, mas as retomaram pouco depois.


No entanto, a companhia East Japan Railway decidiu fechar nas próximas horas por motivos de segurança um trecho que une Nagano e Tóquio.


Mais cedo, um terremoto de magnitude 6,3 fez a terra tremer em parte da província de Sichuan, no sudoeste da China, por volta das 16h55 locais (6h55 de Brasília).


As autoridades não deram informações sobre vítimas ou danos materiais. O tremor afetou o condado de Kangding, na região autônoma tibetana de Ganzi, no oeste de Sichuan, segundo o Centro de Redes de Terremotos da China. EFE



LEIA MAIS ...



Deputado do PSOE reúne-se em São Paulo com a comunidade espanhola

Deputado do PSOE reúne-se em São Paulo com a comunidade espanhola

São Paulo, 22 nov (EFE).- O deputado Roberto Jiménez, do Partido Social Operário Espanhol (PSOE) e que faz uma visita à América do Sul, se reuniu neste sábado em São Paulo com representantes da comunidade espanhola local, com quem debateu temas como a participação política e a nacionalidade para descendentes.


"O que queremos é nos aproximar da coletividade espanhola no Brasil. No Brasil está o maior grupo" de imigrantes e descendentes, declarou Jiménez em entrevista à Agência Efe após um encontro com o cônsul da Espanha em São Paulo, Ricardo Martínez.


Com uma agenda sobre assuntos relativos a nacionalidade, o voto no exterior e benefícios governamentais para os expatriados, Jiménez recebeu na sexta-feira pedidos da coletividade espanhola e hoje foi ao porto de Santos para outro encontro com cidadãos espanhóis residentes em cidades do litoral paulista.


"O Brasil é uma terra de oportunidade para os espanhóis, uma terra muito querida e respeitada pela Espanha", comentou Jiménez.


"O PSOE quer modificar as leis da eleição, para que os espanhóis que vivem no exterior possam escolher seus políticos, embora na Espanha não tenha havido respostas positivas a essa mudança de lei", afirmou o político do principal partido de oposição ao governo de Mariano Rajoy.


"Parece que os espanhóis que vivem fora da Espanha são cidadãos de segunda classe, e queremos mudar isso porque acreditamos que é uma questão de justiça. Eles são espanhóis por direito", frisou.


Outro dos pontos expostos no Brasil pelo deputado de 41 anos, natural de Navarra e secretário de Emigração do PSOE, é que "a nacionalidade seja herdada também da mulher".


Na maior cidade brasileira, Jiménez foi recebido também pelo presidente do Conselho de Residentes Espanhóis em São Paulo, Arturo Chao Maceiras.


Em Santos, ele se encontrará com a Direção do Centro Espanhol, antes de sua reunião com os representantes da comunidade espanhola que vivem no litoral paulista.


O político chegou ao Brasil após realizar atividades similares na Argentina e hoje mesmo viajará ao Uruguai para terminar sua passagem pela América do Sul. EFE



LEIA MAIS ...



Aquarela pintada por Hitler é leiloada por 130 mil euros

Aquarela pintada por Hitler é leiloada por 130 mil euros

Berlim, 22 nov (EFE).- Uma aquarela pintada por Adolf Hitler foi leiloada neste sábado em Nuremberg, na Alemanha, por 130 mil euros, informou a casa de leilões Weidler.


O quadro, de 24 por 28 centímetros, foi adquirido por um comprador anônimo, provavelmente proveniente do Oriente Médio.


O alto preço, que surpreendeu a casa de leilões, pode estar relacionado ao fato de que está conservada a fatura original de 1916 de quando o quadro foi comprado em uma galeria de Munique.


O comprador da época era o avô de duas irmãs que hoje têm cerca de 70 anos e que entregaram a aquarela à casa de leilões.


O comércio de pinturas de Hitler só está proibido na Alemanha nos casos em que nas obras apareçam símbolos nazistas.


Hitler, antes de começar sua carreira política, tentou a sorte como pintor, sem sucesso. EFE



LEIA MAIS ...



Refém britânico aparece em um novo vídeo do Estado Islâmico

Refém britânico aparece em um novo vídeo do Estado Islâmico

Beirute, 22 nov (EFE).- O britânico John Cantlie, sequestrado na Síria pelo grupo radical Estado Islâmico (EI), apareceu em um novo vídeo divulgado pelos jihadistas neste sábado na internet, que sugere que seu futuro será similar ao de outros reféns.


"Faz tempo que aceitei que é provável que meu destino seja de forma assustadora o mesmo que o dos meus companheiros de cela", diz Cantlie na mensagem gravada, na qual parece estar lendo um roteiro.


O jornalista freelancer, procedente do condado de Surrey (sudoeste de Londres), trabalhou para vários veículos de imprensa britânicos, entre eles os dominicais "Sunday Telegraph" e "Sunday Times", e foi sequestrado em novembro de 2012


No último número de sua revista "Dabiq", o EI atribuiu um dos artigos a Cantlie, que explicava que tinha dividido cela com quatro reféns ocidentais decapitados: os jornalistas americanos James Foley e Steven Sotloff, e os trabalhadores humanitários britânicos David Haines e Alan Henning.


O último ocidental a ter sido decapitado pelo EI foi o americano Peter Kassig, cuja morte foi confirmada no dia 16 deste mês.


No vídeo, de quase nove minutos de duração, o EI critica por meio de Cantlie a política de Estados Unidos e Reino Unido de não negociar resgates ou trocas de prisioneiros para libertar os sequestrados destas nacionalidades.


Além disso, lembra que no dia 4 de julho houve uma operação "arriscada e cara" para colocá-los em liberdade, segundo a organização extremista, que no final fracassou.


Em agosto, Washington reconheceu que tinha realizado uma operação para libertar reféns americanos em poder do EI, mas que não teve sucesso porque não sua localização não foi acertada.


Cantlie declarou que o EI trocou os seis reféns ocidentais de lugar dias antes de os EUA efetuarem a tentativa de resgatá-los.


A gravação, cuja autenticidade não pôde ser comprovada, é a sexta parte de um protótipo de programa de televisão do EI intitulado "Dê-me seus ouvidos". EFE



LEIA MAIS ...



Turista russo terá que pagar multa de 20 mil euros por depredar o Coliseu

Turista russo terá que pagar multa de 20 mil euros por depredar o Coliseu

Roma, 22 nov (EFE).- Um turista russo de 42 anos foi condenado neste sábado a quatro meses de prisão e a pagar uma multa de 20 mil euros por entalhar uma letra "K" em uma das paredes internas do Coliseu de Roma.


A Justiça italiana permitirá que o homem não cumpra a pena de prisão, motivo pelo qual foi libertado na primeira hora deste sábado, mas deverá pagar a multa antes dos próximos três meses, segundo a imprensa.


O turista russo foi surpreendido ontem por um vigilante do Coliseu enquanto gravava uma letra "K", de 17 centímetros de largura e 25 de altura, com a qual pretendia deixar sua marca no Anfiteatro Flavio, como também é conhecido o famoso monumento erguido no século I depois de Cristo.


Alertados pelo vigilante, os policiais detiveram o homem, que passou a noite em uma delegacia da capital.


"O prejuízo causado ao monumento, independentemente que seja moderado, é notável. A incisão, de fato, eliminou uma parte da superfície da estrutura, além do que põe em perigo sua preservação e sua imagem", declarou a superintendente do Coliseu, Mariarosaria Barbera. EFE



LEIA MAIS ...



General sequestrado pelas Farc será liberado na próxima semana, diz Santos

General sequestrado pelas Farc será liberado na próxima semana, diz Santos

Bogotá, 22 nov (EFE).- A libertação do general Rubén Darío Alzate e de outras quatro pessoas sequestradas pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) será feita na próxima semana, anunciou neste sábado o presidente do país, Juan Manuel Santos.


"Já foram recebidas as coordenadas (geográficas do lugar da soltura). Estou dando instruções para facilitar a libertação para a próxima semana", escreveu o presidente em sua conta no Twitter.


Alzate, comandante da Força de Tarefa Conjunta Titã, foi sequestrado no domingo em Las Mercedes, um remoto povoado do departamento (estado) de Chocó, no noroeste do país, junto com o cabo Jorge Rodríguez e a advogada Gloria Urrego, o que levou Santos a suspender os diálogos de paz com as Farc em Cuba.


Na terça-feira passada, as Farc reconheceram que têm em seu poder as três pessoas e, após a mediação de Cuba e Noruega, países fiadores do processo de paz, prometeram libertá-las junto com os soldados César Rivera e Jonathan Díaz, tomados como reféns em 9 de novembro após um combate no departamento de Arauca, na fronteira leste com a Venezuela.


Segundo um comunicado lido na terça-feira em Havana por delegados de Cuba e Noruega, a libertação do grupo será feita "o mais breve possível" com a mediação do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV).


O governo disse que seus negociadores de paz retornarão a Havana para retomar os diálogos com as Farc assim que se concretizar a libertação do general e dos outros três militares e a civil sequestrados.


As circunstâncias nas quais aconteceu o sequestro do general são investigadas, pois o chefe militar chegou a Las Mercedes em uma lancha pelo rio Atrato, trajado como civil e sem seu segurança, o que fez Santos pedir publicamente explicações ao ministro da Defesa, Juan Carlos Pinzón, e ao comandante geral das Forças Armadas, general Juan Pablo Rodríguez Barragán. EFE



LEIA MAIS ...



Ferrovia interoceânica será mais barata se passar pela Bolívia, diz Morales

Ferrovia interoceânica será mais barata se passar pela Bolívia, diz Morales

La Paz, 22 nov (EFE).- O presidente da Bolívia, Evo Morales, afirmou neste sábado que a construção na América do Sul de uma ferrovia interoceânica será mais barata se atravessar seu país, ao invés de unir diretamente os territórios de Brasil e Peru.


"Se a ferrovia bioceânica passar pela Bolívia será mais curta e mais barata", garantiu Morales em entrevista coletiva na cidade de Cochabamba.


O governante fez o comentário a propósito de uma declaração recente do presidente do Peru, Ollanta Humala, que excluiu a possibilidade que a ferrovia passe por território boliviano.


Humala disse que seu país, o Brasil e a China estudarão essa obra para integrar suas economias.


Por sua vez, Morales comentou hoje que há dois projetos em debate para a construção dessa ferrovia na América do Sul com apoio financeiro da China, para unir os oceanos Atlântico e Pacífico, e insistiu que a opção pela Bolívia é a mais econômica.


O presidente boliviano acrescentou que China e Brasil estão surpreendidos pelo projeto que inclui a opção da Bolívia.


Morales disse também que talvez os técnicos peruanos não tenham apresentado bons relatórios às autoridades de seu país, motivo pelo qual dará essa informação pessoalmente ao governo vizinho.


Nesse sentido, lembrou que está pendente uma reunião bilateral com seu colega peruano para tratar projetos de desenvolvimento.


Em uma ocasião anterior, Morales disse que o projeto ferroviário pode custar entre US$ 10 bilhões e US$ 13 bilhões. EFE



LEIA MAIS ...



Ed Economia Novo Ministro

Ed Economia Novo Ministro


LEIA MAIS ...



Vazamento do nome de Joaquim Levy para a Fazenda traz euforia ao mercado

fonte: Alan Marques/Folhapress Vazamento do nome de Joaquim Levy para a Fazenda traz euforia ao mercado Vazamento do nome de Joaquim Levy para a Fazenda traz euforia ao mercado

O vazamento do nome de Joaquim Levy para o Ministério da Fazenda trouxe euforia ao mercado nesta sexta: a Bolsa de São Paulo subiu 5% e dólar caiu 2,05%.


Mas a presidente Dilma Rousseff decidiu adiar para a próxima semana o anúncio dos integrantes da equipe econômica do segundo mandato.


Quando foi Secretário do Tesouro do Governo Lula, Levy foi acusado de enxugar gelo pela então Ministra Chefe da Casa Civil Dilma Rousseff.


Falando a Denise Campos de Toledo, o economista Gustav Gorsky diz que o mercado apoia Joaquim Levy e tem um pé atrás em relação a outro cotado.


"O nome que o mercado mais acha que pode resolver o problema seria o Joaquim Levy", avaliou Gorsky. "É um cara que já esteve lá e tem experiência em contas públicas e o grande desafio do governo é como ajustar as contas públicas, então esse nome seria muito bem vindo pelo mercado", disse ainda.


Outro economista é mais cauteloso e lembra que um ministro sozinho não faz um Governo. Sérgio Valle teme os efeitos dos pitacos de Arno Augustin e Aloizio Mercadante no Governo Dilma."Acho que a presidente continua pensando da mesma forma e neste novo governo piora um pouco", por causa da presença de Augustin e Mercadante, avaliou Valle.


Analista do mercado avalia que a credibilidade de Dilma Rousseff só tem a perder com o adiamento da divulgação da próxima equipe econômica.


E quanto a Joaquim Levy, Alex Agostini afirma que sua maior tarefa será mostrar a todos alguma autonomia para administrar o ministério.


(Ouça mais detalhes das entrevistas no áudio acima)


Economista lamenta a indecisão de Dilma em relação à equipe econômica e condena a comunicação do Governo. Mas, André Perfeito também acha que é demais alguém imaginar a Presidente abrindo mão de suas prerrogativas.


André Perfeito adverte que é preciso atenção à montanha de dólares que o Japão e a União Européia despejarão na economia mundial.


Segundo o economista, tanto dinheiro sobrando tende a correr para os países com juros na estratosfera, como é o caso do Brasil.



LEIA MAIS ...



Confronto entre exército e insurgentes no Afeganistão deixa 22 mortos

Confronto entre exército e insurgentes no Afeganistão deixa 22 mortos

(Atualiza números de mortos e feridos)


Cabul, 22 nov (EFE).- Pelo menos 22 pessoas morreram neste sábado, sendo dois militares e nove insurgentes, entre eles um importante comandante talibã, após o exército do Afeganistão repelir um ataque a uma de suas bases na província do Nuristão, no leste do país, informaram à Agência Efe fontes oficiais.


Os combates dos insurgentes com o Exército Nacional Afegão (ANA), que também deixou 30 feridos, começaram por volta das das 8h45 locais (2h15 de Brasília) no distrito de Kamdesh e duraram duas horas, disse o porta-voz do Ministério da Defesa, Zahir Azimi.


O chefe provincial de polícia, Abdul Baqi Nuristani, declarou à Efe que entre os mortos está um importante comandante talibã, o mulá Osman, e entre os feridos há dois militares e um policial.


O Nuristão é uma das províncias com maior insegurança no país asiático.


A insurgência aumentou seus ataques contra alvos das Forças de Segurança afegãs e da missão da Otan no Afeganistão, a Isaf, após a assinatura, em setembro, de um acordo de segurança entre o novo governo do país e os Estados Unidos.


O primeiro vice-presidente do Afeganistão, o general Abdul Rashid Dostum, advertiu recentemente que os insurgentes têm apoios "internos" para aumentar esses ataques, como, segundo ele, ficou em evidência no último dia 9, quando um terrorista suicida conseguiu entrar em um quartel da polícia em Cabul. EFE



LEIA MAIS ...